08 Jan 2019

Act In Time – Newsletter Nº4

Act In Time

Transnational ACTions for the access and INTegratIon of Migrants into Eu labor market

(Ações Transnacionais para o acesso e integração de Migrantes no Mercado de trabalho da UE)

Nº do contrato: HOME 2015 AMIF AG INTE 9075

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

De 26 a 28 de setembro de 2017, todos os sócios reuniram-se em Uppsala, na Suécia, para a terceira reunião de parceiros transnacionais (internacionais). Antes desta ocasião, todos os parceiros contribuíram para os kits de operadores para “stakeholders” e kits inteligentes para migrantes. Os materiais, que serão utilizados nas ações de capacitação para as partes interessadas, por um lado, e nas oficinas para os migrantes, por outro lado, foram apresentados a todo o consórcio em diferentes oficinas interativas peer-to-pair, que podem ser adaptadas a qualquer um. Depois de cada sessão de demonstração, houve um longo período de tempo para discutir conteúdos e metodologias e para ajustar tudo antes de apresentá-los às partes interessadas e aos migrantes de cada país parceiro. Agora cabe aos parceiros publicar a tradução de todos esses materiais na língua do país de origem, de modo a que todas as partes interessadas e migrantes nacionais tenham um acesso mais fácil aos seus conteúdos.

Os parceiros também discutiram o caráter heterogéneo do grupo-alvo migrante e a consequente metodologia pertinente aos mesmos. É claro que a forma de transferir a informação precisa de ser adaptada ao público para obter o melhor resultado possível. Todos os parceiros conhecem melhor a situação no seu país de origem e, consequentemente, são responsáveis pela forma como as ações de capacitação e as oficinas serão apresentadas. Além destas ações de formação, o consórcio também discutiu a divulgação do projeto até o momento e num futuro próximo. Mesmo assim, houve uma reunião sobre o plano de exploração e sustentabilidade do projeto Act in Time. Todos os parceiros assumiram o compromisso relativamente à emergência de refugiados e migrantes, o que continuará após o período elegível do projeto. Todas as ações empreendidas por este consórcio são, portanto, direcionadas a um efeito a longo prazo. É óbvio que a necessidade de refugiados e migrantes não será satisfeita no final deste projeto Act in Time, e os parceiros visam resultados que ainda serão úteis nos próximos tempos e para as futuras partes interessadas.

 

Com esta reunião em Uppsala, a parte teórica do projeto está mais ou menos terminada e agora o consórcio chega ao lado prático: a aplicação à realidade de todos os materiais que foram criados.

 

Leave a Reply